Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

alicia y su cambalache

obrigado pela sua visita seu blog é um encanto!!!

alicia y su cambalache

alicia y su cambalache
hoje a receita da ana maria braga foi divina! por isso vou pastar aqui no nosso cantinho.

Bolo de chocolate recheado de forno


INGREDIENTES
Recheio
1 lata de leite condensado
½ litro de leite
2 gemas
2 ½ colher (sopa) de amido de milho
150 g de chocolate meio amargo picado
1 lata de creme de leite

Massa
100 g de margarina
2 gemas
1 ½ xícara (chá) de açúcar
6 colheres (sopa) de chocolate em pó
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de leite
1 colher (sopa) de fermento em pó
2 claras batidas em neve

Cobertura
300 g de chocolate meio amargo picado
MODO DE PREPARO

Recheio

1°- Coloque numa panela 1 lata de leite condensado, ½ litro de leite, 2 gemas e 2 ½ colher (sopa) de amido de milho e leve ao fogo médio até engrossar. Desligue o fogo, adicione 150 g de chocolate meio amargo picado e misture até derreter o chocolate. Deixe esfriar e acrescente 1 lata de creme de leite.

Cobertura

2º- Retire 2 xícaras (chá) de creme de chocolate (feito acima), coloque numa panela e adicione 300 g de chocolate meio amargo picado. Leve ao fogo médio mexendo sempre até o creme deslizar da colher (+/- 6 minutos). Reserve.
3°- Coloque o restante do creme de chocolate num saco plástico e reserve.

Massa

4°- Numa batedeira coloque 100 g de margarina, 2 gemas e 1 ½ xícara (chá) de açúcar e bata bem até formar um creme claro (+/-10 minutos). Desligue a batedeira e adicione 6 colheres (sopa) de chocolate em pó, 2 xícaras (chá) de farinha de trigo, 1 xícara (chá) de leite e 1 colher (sopa) de fermento em pó e bata até formar uma mistura homogênea (+/- 5 minutos). Desligue a batedeira e acrescente 2 claras batidas em neve e misture delicadamente.
5°- Coloque numa assadeira untada e enfarinhada metade da massa de chocolate (feita acima). Faca um pequeno furo no saco e espalhe o recheio de chocolate levemente sobre a massa e cubra com o restante da massa de chocolate. Leve ao forno médio pré-aquecido a 180°C por 1 h. Retire do forno e deixe esfriar.

Montagem

6°- Desenforme o bolo num prato de servir, cubra com a cobertura de chocolate (reservado acima), decore com granulado de chocolate e sirva em seguida.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Uma lição: E você quer voltar aos velhos tempos?

"Na fila do supermercado o jovem caixa diz a uma senhora idosa que deveria trazer suas próprias sacolas para as compras, uma vez que sacos de plástico não eram amigáveis ao meio ambiente. A senhora pediu desculpas e disse: “Não havia essa onda verde no meu tempo.” O jovem empregado respondeu: "Esse é exatamente o nosso problema hoje, minha senhora. Sua geração não se preocupou o suficiente com nosso meio ambiente." "Você está certo - responde a velha senhora. Minha geração, não se preocupou adequadamente com o meio ambiente”. "Naquela época, as garrafas de leite, garrafas de refrigerante e cerveja eram devolvidos à loja. A loja mandava de volta para a fábrica, onde eram lavadas e esterilizadas antes de cada reuso, e eles, os fabricantes de bebidas, usavam as garrafas, umas tantas outras vezes. Realmente não nos preocupamos com o meio ambiente no nosso tempo. Subíamos as escadas, porque não havia escadas rolantes nas lojas e nos escritórios. Caminhamos até o comércio, ao invés de usar o nosso carro de 300 cavalos de potência a cada vez que precisamos ir a dois quarteirões. Mas você está certo. Nós não nos preocupávamos com o meio ambiente. Até então, as fraldas de bebês eram lavadas, porque não havia fraldas descartáveis. Roupas secas: a secagem era feita por nós mesmos, não nestas máquinas bamboleantes de 220 volts. A energia solar e eólica é que realmente secavam nossas roupas. Os meninos pequenos usavam as roupas que tinham sido de seus irmãos mais velhos, e não roupas sempre novas. Mas é verdade: não havia preocupação com o meio ambiente naqueles dias. Naquela época só tínhamos somente uma TV ou rádio em casa, e não uma TV em cada quarto. E a TV tinha uma tela do tamanho de um lenço, não um telão como os usados em estádios; que depois será descartado como? Na minha cozinha, tínhamos que bater tudo com as mãos, porque não havia máquinas elétricas, que fazem tudo por nós. Quando embalávamos algo um pouco frágil para o correio, usávamos jornal amassado para protegê-lo, não plástico bolha, ou pellets de plástico, que levam cinco séculos para começar a degradar. Naqueles tempos não se usava um motor a gasolina apenas para cortar a grama, era utilizado um cortador de grama que exigia músculos. O exercício era extraordinário, e não precisava ir a uma academia, e usar esteiras, que também funcionam à eletricidade. Mas você tem razão: não havia naquela época, preocupação com o meio ambiente. Bebíamos diretamente da fonte, quando estávamos com sede, em vez de usar copos plásticos, e garrafas pet, que agora lotam os oceanos. Canetas: recarregávamos com tinta, umas tantas vezes ao invés de comprar outra. Abandonamos as navalhas, ao invés de jogar fora todos os aparelhos 'descartáveis' e poluentes só porque a lâmina ficou sem corte. Na verdade, tivemos uma onda verde naquela época. Naqueles tempos, as pessoas tomavam o bonde, ou iam de ônibus, e os meninos, iam em suas bicicletas, ou a pé para a escola, ao invés de usar a mãe, como um serviço de táxi, 24 horas. Tínhamos só uma tomada em cada quarto, e não, um quadro de tomadas em cada parede, para alimentar uma dúzia de aparelhos. E nós, não precisávamos de um GPS, para receber sinais de satélites, a milhas de distância no espaço, só para encontrar a pizzaria mais próxima. Então, não é visível que a atual geração fale tanto em meio ambiente, mas não quer abrir mão de nada, e não pensa em viver um pouco como na minha época?"

como hoje estou um pouco nostálgica resolvi postar aqui um pouquinho do que vivi quando criança.
   hoje me bateu uma saudade muito grande de minha vó cândida com quem convivi na minha infância e adolescência,me educou e me criou a ela   que todos os netos chamavam de dindinha vai aqui minha homenagem de amor e um pouco do que vivemos:
   quando a dindinha costurava nossos vestidos para o natal eu ficava ao lado direito da máquina de costura husqvarna (que ela tocava com os pés) olhando meu rosto refletido no metal da rodinha e encantada com o vai e vem da agulha!!!
 muitas vezes a dindinha falava :biana vem moer o aipim pra fazer bolinho     e o quibe com a carne e a hortelã! mas depois de moer o aipim tem que lavar o moedor heim!!!
 ela cozinhava no fogão á lenha e vez por outra aproveitava as brasas pra passar roupas, mas as meninas e eu  (duas irmãs e minha prima fomos todas educadas e criadas com dindinha)não podíamos por a mão para não nos queimarmos rsrsrs!!

eu dormia com o tic tac desse despertador era quase uma canção rsrsr 
 esse ventilador fazia um barulho muito alto!! mas sinto saudades dele também!!

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012


Massa de  Pizza
Ingredientes:

-50g de fermento biológico (para pão)
-01 colher de açúcar
-01 colher rasa de sal
-01 xícara de óleo
-03 xícaras de água morna
-01 kilo de farinha de trigo

Modo de Preparo:
Em uma tigela dissolva o fermento com o  açúcar, coloque a água, o óleo, e o sal. Acrescente a farinha de trigo aos poucos e sove bem a massa.
Divida a massa em 30 pedaços, boleie e  deixe crescer. Abra a massa, deixe crescer novamente. Leve ao forno médio para pré-assar. Coloque o molho de tomate e  o recreio que preferir. Embale e leve para congelar.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

navegando pelos blogs encontrei uma idéia super legal para quem almoça no trabalho como eu e gosta de tudo organisado:
  jogo americano com porta talher








   uma idéia fácil de fazer e que deixa seu almoço muito mais organizado!!
   gostou?
gente hoje eu aprendi uma receitinha rápida e fácil que vou passar pra vocês:
      panacota de couve flor
    ingredientes: 250ml de creme leite fresco
     1 couve flor  
    250 ml de leite integral  
    3 gemas
    6 ovos
   sal e pimenta do reino á gosto
      modo de fazer:
      cozinhe a couve flor por 3 minutos em água fervente.Retire do fogo e coloque em água gelada.Escorra e corte em pequenos pedaços.Reserve um pouco para decorar.Bata todos os ingredientes no liquidificador.Depois coloque em forminhas refratárias e asse no forno em banho-maria a 110º durante 20 minutos.Retire das forminhas e decore com a couve flor reservada.
     rende 10 porções.